ADCCTA - Associação desportiva classista dos servidores civis e militares do centro técnico aeroespacial

História

ADCCTA: do sonho à realidade
 
“ADCCTA: Acredite nesta idéia”. Com este slogan, era dado início, nos idos anos de 1990, a uma ampla campanha de divulgação da recém-criada Associação Desportiva Classista dos Servidores Civis e Militares do Centro Técnico Aeroespacial.
 
Mas a idéia de criar uma agremiação, que congregasse os servidores, remonta à década de 1960. Naquela época, um grupo de servidores, motivados pelo ideal de reunir um corpo social próspero e fraterno, fundava a primeira associação vinculada aos servidores do CTA. Assim, precisamente, no dia 28 de outubro de 1960, era registrada a primeira ata da Associação dos Servidores Públicos de São José dos Campos, com sede, administração e foro nessa cidade, e que elegeu como seu primeiro presidente o servidor Amadeu Henriques.
 
Alguns desses poucos sonhadores, a despeito das inúmeras barreiras encontradas e das dificuldades que a época apresentava, ousaram ir além de criar uma associação e adquiriram, com recursos próprios, um terreno na Vila Bethânia, onde seria instalada a sede social, e dois terrenos no município de Caraguatatuba, nos quais pretendiam construir uma colônia de férias. Com a extinção da associação, anos mais tarde, esses imóveis seriam doados a ADCCTA.
 
Em 19 de maio de 1989, conforme publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, surge o Grêmio do Instituto de Atividades Espaciais (IAE), que tinha como finalidade promover atividades de natureza social, recreativa, cultural e esportiva. Seu primeiro presidente foi o servidor Roberto Cordeiro Waltz.
 
Nesta mesma época, outros órgãos do CTA, como o extinto Instituto de Pesquisas e Desenvolvimento (IPD) e o Instituto de Estudos Avançados (IEAv) criaram seus respectivos grêmios, com o mesmo objetivo.
 
Porém, em 1990, com a aprovação de uma lei federal, que restringia a participação de grêmios no âmbito do serviço público, por razões de natureza jurídica, um grupo de servidores passou a reunir-se para viabilizar a criação de uma associação única que pudesse promover o congraçamento entre todos os servidores, estreitando-lhes os laços de amizade e incentivando as atividades esportivas, sociais e culturais.
 
O assunto mereceu total atenção do então major-brigadeiro-do-ar Sérgio Xavier Ferolla, diretor do CTA. Sensibilizado e fiel observador da ordem institucional e da lei, e zeloso com os ideais de seus subordinados, nomeou uma comissão de estudos para implantação e criação de uma Associação que pudesse dar continuidade às atividades dos grêmios.
 
No dia 8 de maio de 1990, através da Ata nº 001/CD/90, foi aprovado o 1º Estatuto da Associação Desportiva Classista dos Servidores Civis e Militares do Centro Técnico Aeroespacial - ADCCTA, tendo como redator o doutor Pércio Alviano Mazza, procurador e sócio fundador. Para o cargo de presidente do Conselho Deliberativo foi eleito o servidor Maurício Montalvão, e para o de presidente da Diretoria Executiva, o servidor Roberto Cordeiro Waltz. Nascia assim a ADCCTA.
 
Em 13 de dezembro de 1994, já sob a presidência do servidor José Tomás Soares da Silva, a ADC foi elevada à condição de "Utilidade Pública", conforme Lei Municipal 4.602, de 12 de dezembro de 1994.
 
Graças à contribuição de todos aqueles servidores que dedicaram seu tempo voluntário desde o início, em 1989, hoje a ADCCTA, como associação de classe, destaca-se, tratando de interesses coletivos sem conotação político-partidária ou religiosa e sendo referência para as demais associações do Vale do Paraíba.

Associe-se

Baixe o App da ADC

Revista ADCCTA

Voltar

2001 - 2017 | ADCCTA - Todos os direitos reservados

Tel. (12) 3947-3025 | E-mail: secretaria@adccta.com.br

Praça Marechal Eduardo Gomes, 50, Vila das Acácias - SJCampos/SP, CEP 12228-615 - Cx Postal 6020

Desenvolvimento Web: Sites & Cia